Hello folks!

Yes, today is valentine’s day here in Brazil! It’s kind of odd with it being on a different time than everyone else (I guess). Although, as you may know, I have no valentine, so I’ll just take the day as we do in Finland -we have Friends’ Day (Vändag) instead of valentine’s day! So Happy Friends’ Day!

In other notes, it is drawing near for the end of this semester, which also means the beginning of the next chapter for me. I will be moving to Belo Horizonte (or a small city next to Belo, Florestal), where I’ll commence my thesis project for real (I’ve been working on it on and off since I began my Master’s). I really don’t want to move, as it’s going to cause a lot of disruptions and re-adjustments, but on the other hand maybe it’s time to see something else. Given that the city in which I currently reside (Viçosa) is a student city and also difficult to get to and leave (being in the mountains and far away from a lot of cities, with no airport), it might be handy to live near one of the largest city in Brazil. Bonus is that I’ll catch my flight from BH to Europe come December, so it’ll be much easier. I also hope to be able to discover Brazil a little more, having little or no more lectures and being near an airport.

But before all this, I still have a long list of projects, articles and presentations to finish, so gotta get back to that now! See you!


Olá galera!

Hoje é Dia dos Namorados no Brasil. É um pouco estranho ter este dia em uma data diferente que todo mundo (eu presumo). Embora, como vocês devem saber, não tenho uma namorada, então vou comemorar como a gente faz na Finlândia -temos Dia dos Amigos (Vändag) ao invés de dia dos namorados. Então, Feliz Dia dos Amigos!

Em outras notícias, o tempo se aproxima para o fim deste semestre, o que também significa o começo do próximo capítulo para mim. Mudarei para Belo Horizonte (na verdade, Florestal), onde vou começar sério o trabalho da minha tese (já trabalhei de vez em quando desde comecei o mestrado). Não quero mudar mesmo, pois vai causar muitas rupturas e re-ajustamentos, mas por outro lado talvez chegou a hora a ver novas coisas. Dado que a cidade onde mora agora (Viçosa) é uma cidade de estudantes e também difícil para viajar e sair (já que fica nas montanhas longe das outras cidades, e sem aeroporto), pode ser útil morar perto uma das cidades mais grandes no Brasil. E no dezembro vou viajar de BH à Europa, por isso será muito mais fácil. Também espero que eu conseguir descobrir mais o Brasil, com menos ou nenhumas aulas e morar perto de um aeroporto.

Mas antes disso já tenho uma lista longa de projetos, artigos e apresentações, então preciso voltar para essa agora! Até!

Advertisements